domingo, 7 de março de 2010

A Cuca vai pegar: Crônicas do funcionalismo público I ou do buraco da sala de aula...

-Alô! Oi, boa tarde Seu Jonas, olha só, eu tenho problemas com a sala em que dou aula, primeiro eu tenho uma disciplina que acontece terça e quinta pela manhã, e vocês me colocaram terça numa sala e quinta em outra...
-
Ele logo me interrompe...
-
-Professora, todos os professores estão na mesma situação e ninguém reclama!
-
Respiro fundo, tento argumentar... 
-
-Olha Seu Jonas, sala de aula, para mim, é um espaço onde professor e estudantes vão passar todo um semestre, então a gente cria ali o nosso espaço de compartilhamento, cada um acaba tendo seu lugar mais confortável, lado de sala, é muito mais que um espaço físico, etc...
-
-Professora, imagina se eu for fazer isso com todo mundo?
-
Pois é, penso eu, imagina se ele vai se dar ao trabalho de perceber que as disciplinas que tem aula em dias diferentes poderiam ficar na mesma sala, pior foi ver que tinha sala sobrando quando a pessoa responsável pela organização das salas fez a distribuição, mas começo a perceber que ele nem sequer sabe o que é uma "sala de aula", e ainda que eu apelasse para Marc Augè e o seu lugar e não-lugar, ia adiantar...
-
-Olha Seu Jonas, a sala de terça-feira é complicada, vocês adaptaram uma sala de professores, e enquanto estou em aula escuto toda a conversa da sala da administração, daí tenho que gritar para ser ouvida pelos alunos e vou acabar o semestre sem voz, não tem condições de dar aula assim, pois o tempo todo chegam pessoas para pedir informações, resolver problemas, e infelizmente interfere na dinâmica da minha aula... Eu sei que foi uma emergência, mas não tem condições...
-
-Olha professora, a senhora fica reclamando, mas vem um monte de professor aqui me pedir um buraco qualquer para dar aula, e ficam felizes se conseguem...
-
Diante do "buraco qualquer" já não escuto mais nada... Minha cabeça gira entre Reuni e a novidade da Universidade Nova... Entre dinheiro em meia, cueca, altos salários e regalias de quem 'habita' as torres gêmeas e as cuias de sentido oposto...  E os professores e estudantes da Universidade estão felizes com um "buraco qualquer" como sala de aula... Cruz credo! Desligo o telefone e começo a perceber que o "buraco" da educação vai ficando é cada vez mais embaixo...

4 comentários:

Tico Serpa disse...

pois eh ana... o buraco tah virando cratera, igual a q a gente se depara nas estradas... e com cratera, nem um 4x4 pode!!! a educação n precisa de recapeamento, mas de outros caminhos mesmo!!!! parabéns pelo texto! bjim.

Lu_Contadora de Historia disse...

Paulinha... eu nao conhecia a escritora... apenas a amiga, a academica... que bom ter os seus textos em minha manha de domingo.
Um cheiro... carregado de sorrisos e bom humor... para que nunca percamos a esperanca de fechar essa cratera...rs

Fabio Cadore disse...

Olá,
Estava procurando algumas fotos pela internet e descobri seu blog com uma foto linda de colonia del sacramento.
Sou escritor e compositor, e estou editando um texto que já virou audio também. E agora penso em postar com uma foto estática e a legenda do poema seguindo o audio.
Você me emprestaria essa foto para isso? claro, com os devidos créditos.
Aguardo contato.. se puder escrever no meu email fabcadore@hotmail.com eu agradeço.
Att,
Fabio Cadore

Ana Paula Albuquerque disse...

Obrigada Tiquinho e Lulu!! Espero que com o riso possamos dar um jeito nesses buracões...